home regras pedidos cronos staff ask

Sinopse: Schizophrenia (Le_DiAngelo)



Versão1:

Esquizofrenia é um distúrbio psíquico que faz com que a pessoa perca a noção da realidade.
Mas, para mim, tudo que eu via era realidade. Haviam pessoas tramando contra mim. Gente que queria me atacar, sendo que eu nunca fiz nada de errado. Pessoas ruins que fariam coisas ruins e eu não precisava de provas para isso, tinha absoluta certeza do que estava dizendo. Por isso eu tomei a decisão de atacar primeiro: eu preferia machucar a ser machucado. 
Isso foi até Faith nascer. Minha irmãzinha não merecia conhecer meus ataques, mesmo que eu não soubesse dizer quando estava fora de mim e quando estava normal. Contudo, como eu jamais desejaria magoar Faith, permaneci o mais quieto possível. Todos os pensamentos ficavam aqui, comigo, martelando e rodando, deixando-me tonto com a velocidade com que prosseguiam. Era solitório, mas suficientemente seguro para poupá-la de quem eu realmente sou. 

Versão2:

Esquizofrenia é um distúrbio psíquico que faz com que a pessoa perca a noção da realidade.
Noah sentia que era constantemente observado. E era insuportável sentir aquele arrepio na espinha, os passos que pareciam segui-lo onde quer que fosse, os cochichos distantes que ouvia. Tinha certeza que estava todos tramando contra si, querendo machucá-lo. Então atacava. Como os animais selvagens, quando sentia alguém pretendia feri-lo, o jovem tomava a dianteira e machucava primeiro. 
Mas mudou após Faith nascer. Aquela coisinha pequena e que amava era sua irmã e precisava protegê-la do mundo, de todos aqueles olhares tortos e frases feias. Não queria vê-la triste. Por isso, escondia seus pensamentos, comprimindo-os dentro de si. Reservava-se, recluia-se, escondia-se dentro de si próprio, buscando no próprio remanso motivos para ser como era. E em meio a toda sua confusão, tentava mudar quem era. 



-------

Annyeong~~! Como vai? Espero que bem!
Pois bem, eu tentei ao máximo deixar a primeira versão, onde arrisquei a primeira pessoa, com algo próximo ao que já vi sobre esquizo. Eu conheço uma garota que tem, mas mesmo assim, creio que minha tentativa nunca vai chegar de fato ao que a doença é. Enfim, espero que tenha gostado. Mas, para o caso de não gostar ou achar que não condiz com a forma como seu personagem é, eu fiz a outra versão em terceira, tentando manter a mesma linha. 
Seu resumo foi pequeno, então eu tentei deixar o máximo detalhado possível, mas ainda assim ser spoilers, como pediu. Espero que esteja como desejado. Caso não, basta entrar em contato comigo que ajeito até que fique de seu agrado ou, ainda, refazer o pedido!
Adorei a perspectiva do seu enredo! Gosto de estórias que tratam sobre distúrbios, ainda mais os mentais, é sempre interessante monstrar ao mundo como essas pessoas vivem e são fortes acima de tudo! Sucesso com sua história, meu bem!

Com carinho, 

2 comentários :

  1. Eu adorei as duas versões de verdade. Ficaram boas demais. E não deram nenhum spoiler. Você escreveu muito bem

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ah, fico muito feliz de saber que acertei!

      novamente: desejo todo o sucesso do mundo pra ti!

      Eliminar