home regras pedidos cronos staff ask

Setembro Amarelo + Você não está sozinho(a)




VOCÊ É SUFICIENTE


Posso não conhecer você. Posso não saber sobre a sua dor. Posso não fazer a menor ideia de quantos insultos e piadas de péssimo gosto você escuta enquanto caminha pelos corredores do colégio, faculdade, trabalho ou simplesmente ao atravessar a rua. Ou o que sente quando se senta em um canto e coloca os fones de ouvidos que, por muitas vezes, tocam suas músicas preferidas apenas para silenciar as vozes que gritam em sua mente. Ou talvez, posso não entender a razão por trás das brigas constantes em seu lar, e porque não se dá bem com seus pais, irmãos e outros familiares. Também, posso não saber que quando apoia as mãos na bancada do banheiro, e olha-se no espelho, enxerga defeitos que levam-lhe a desabar. Ou os motivos para que se sinta insuficiente.
Eu realmente não conheço você e nada do que lhe acontece, todos os dias. Não sei a intensidade da dor que carrega em seu peito. Não sei por quanto tempo suporta tudo em silêncio. Mas, se tem algo que eu sei, é que você é um(a) guerreiro(a). E acredite em mim, sei também que você vale a pena. E que a sua vida vale a pena.
É por isso que lhe peço, não desista de você. Não ouça as palavras negativas, mas, diga a si mesmo(a) frases positivas, pois elas serão sempre as mais verdadeiras e necessárias. Continue ouvindo suas músicas preferidas, e quando as vozes em sua mente gritarem alto demais; cante alto, dance muito, e, principalmente, sorria e não dê espaço para as lágrimas. Quando estiver passando por problemas em casa, não guarde para si; desabafe. E toda vez que olhar-se no espelho, feche os olhos e respire fundo, repetidas vezes. Acalme o seu coração, e silencie a sua mente. Sua pulsação estará estável, e o único som que passará a ouvir é o de sua respiração tranquila, e esse será o momento de abrir os olhos e encarar mais uma vez o seu reflexo, e esta é a verdadeira imagem que precisa ter de si mesmo(a). Porque você é suficiente.



VOCÊ NÃO ESTÁ SOZINHO(A)

Depressão não é frescura. Depressão não é preguiça. Depressão não é brincadeira.


Hoje, em união com outros blogs, entramos no projeto de prevenção ao suicídio dentro da campanha que segue por todo o mês do Setembro Amarelo. Nosso intuito é mostrar a todos que não estão nessa luta sozinhos. Podemos não conhecer a grande maioria das pessoas que seguem o nosso blog, ou simplesmente as que nos cercam. Não fazemos a menor ideia do que acontece com cada um de vocês. Contudo, queremos que saibam que estamos aqui, não como designers, mas como pessoas. Pessoas dispostas a ouvir, a conversar, a dar um abraço, um ombro amigo, e a estender as mãos para agarrar as de cada um de vocês. Porque aqui, somos um só. Somos iguais.
Estamos abertos para ouvi-los, caso sintam-se confortáveis em desabafar conosco. E isso vale para o mês de outubro, novembro, dezembro e todos os outros que virão nos anos seguintes. Não estamos fazendo isso apenas este mês. O Redemption Designs estará SEMPRE de braços abertos para acolhê-los.

Espalhe amor. Compreenda mais. Ouça mais. Converse mais. Acredite mais. Abrace mais. Podemos não ser capazes de salvar o mundo inteiro, mas podemos abraçar aqueles que sentem-se sozinhos e mostrar-lhes que estamos juntos nas constantes batalhas impostas pela vida.

Leio todas as mensagens que chegam para mim no Spirit, então, deixo aqui o link do meu perfil. Caso queiram falar comigo, saibam que ficarei muito feliz em poder ajudar.


E você que está passando por tempos difíceis, não se esqueça; você não está sozinho(a). Você vale a pena. 

CONHEÇA O CVV

‘’O CVVCentro de Valorização da Vida realiza apoio emocional e prevenção do suicídio, atendendo voluntária e gratuitamente todas as pessoas que querem e precisam conversar, sob total sigilo por telefone, email, chat e Skype 24 horas todos os dias.’’

Converse com um voluntário: http://www.cvv.org.br/quero-conversar.php ou disque 141


#VoceNaoEstaSozinho


2 comentários :

  1. - [x] Olá, meu nome é Adriene, tenho 17 anos e sofro de depressão e automutilação. Não sei o pq de estar escrevendo isso justo aqui. E não é fácil admitir ou escrever algo assim, mas eu estou cansada de chegar em casa e minha mãe não me perguntar se eu estou bem ou não. Comecei a sentir coisas assim em 2015, e desde então existe uma guerra dentro de mim mesma. Me sinto sozinha a maioria do tempo, mesmo estando cercada de pessoas. Eu sorrio, sorrio muito, brinco muito e estou sempre tentando fazer as pessoas se divertirem, sou brincalhona até demais, porém, minha alma chora, tenho me consolar com o sorriso de outras pessoas, buscando um meio de sorrir pra mim mesma. Seja lá quem estiver lendo isso, peço-lhe socorro.

    ResponderEliminar
  2. Estou aqui para ajudá-la no que estiver ao meu alcance. Você não precisa passar por nada disso sozinha, porque você não está sozinha. Você está carregando em seus ombros um peso que não precisa carregar sozinha, e é por isso, que se quiser dividi-lo, envie-me um e-mail, por favor (@marianeandressa123@gmail.com). Sua dor é real, e ela está no seu coração, mas não deixe-se ser tomada pela escuridão através da dor, partilhe-a e deixe-se ser ajudada.
    Irei dar o meu máximo para ajudá-la ou confortá-la, de alguma forma.
    Não desista de si mesma. A sua luta será ganha, e o seu sorriso será verdadeiro.
    Você é mais forte e importante do que imagina!

    ResponderEliminar